A Motorola lançou nesta terça-feira (16) dois novos smartphones da família mais famosa da marca. Os modelos são o Moto G10 e o Moto G30, que apostam em custo-benefício e em um conjunto renovado de câmeras para reconquistar o público.

O Moto G10 é o sucessor do direto do principal modelo do ano passado, a Moto G9, com um corpo de plástico e certificação IP62 contra poeira e contato rápido com líquidos.


Moto G10Fonte:  Motorola 

Ele conta com um leitor biométrico na traseira, além de um botão físico para o Google Assistente na lateral e a entrada tradicional de fones de ouvido de 3,5 mm.

O conjunto de câmeras é liderado por um sensor de 48 MP com Visão Noturna, uma lente ultra-wide de 8 MP e outras duas de 2 MP — uma macro e outra de profundidade. Já a câmera frontal tem 8 MP.

Moto G30

O Moto G30 é uma versão levemente aprimorada — quase como uma edição “Plus” do G10. Ele repete o mesmo corpo de plástico, a bateria, a tela de 6,5″ e o conjunto quádruplo de câmeras traseiras.

As mudanças começam na taxa de atualização da tela, que passa para 90 Hz. Além disso, a câmera de selfie é melhorada e passa a ter uma resolução de 13 MP e o carregamento rápido passa de 10W para 20W.


Moto G30.
Fonte:  Motorola 

O processador também é melhorado, sendo o octa-core Snapdragon 662, da Qualcomm. São duas configurações de RAM: 4 GB ou 6 GB, ambas somente com a opção de 128 GB de armazenamento interno.

Disponibilidade

O Moto G10 e o Moto G30 serão lançados inicialmente em alguns mercados selecionados da Europa “nas próximas semanas” e ainda não foram confirmados em outras regiões.

Nas cores Iridescent Pearl e Aurora Grey, o Moto G10 custará € 150 na versão mais barata, o equivalente a R$ 980 em conversão direta de moeda. Já o Moto G30 sai a partir de € 180 (ou R$ 1.170) nas cores Pastel Sky e Phantom Black.